Resenha: Todo Dia [David Levithan]

segunda-feira, 4 de julho de 2016 1 Comentário


Livro: Todo Dia.

Autor: David Levithan.

Editora: Galera Record.

Ano de Publicação: 2013.

Páginas: 280.





SINOPSE

        Neste novo romance, David Levithan leva a criatividade a outro patamar.

          Seu protagonista, A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia.

         Depois de 16 anos vivendo assim, A já aprendeu a seguir as próprias regras: nunca interferir, nem se envolver. Até que uma manhã acorda no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannon.

           A partir desse momento, todas as suas prioridades mudam, e, conforme se envolvem mais, lutando para se reencontrar a cada 24 horas, A e Rhiannon precisam questionar tudo em nome do amor.




MINHA OPINIÃO

      Eu amei esse livro. Ele é cativante, dês do início, a narrativa do autor é surpreendente ele nos deixa curiosos, nos faz devorar o livro em pouquíssimas horas.

      Acho que o que eu mais gostei, não foi o romance, mas sim o personagem se adaptando a cada corpo. Sem preconceito, se ele acordava num corpo de "gay” ele respeitava e era incrível sentir o que ele sentia vivendo aquilo. Porque é isso que a narrativa desse autor nos proporciona, sentir o que o personagem sente numa forma tão intensa que parece que somos nos que estamos no livro.

       O amor que ele sentia pela Rhiannon era algo tão puro e ver o amor dela nascer por ele é lindo, apesar dela não amar ele em todos os corpos. O amor dele por ela não era algo egoísta. (Meu Deus eu quase dando spoiler aqui.)

        Gente, esse foi um livro que me ensinou que amor consegue ultrapassar barreiras. Que não importa sua opção sexual e sim o amor que você tem para dar.

      Bom... Eu sou manteiga derretida, qualquer coisa já choro. Mas o fim desse livro foi incrível. Eu tinha imaginado várias coisas para o final mais nunca o que realmente aconteceu o autor me surpreendeu, principalmente com esse final.

       Eu recomendo esse livro, leiam, falem para os amigos lerem, assim as pessoas saberão o quanto esse livro muda alguns pensamentos sobre vários assuntos, muda como vemos as pessoas, talvez A seja uma metáfora para seguirmos, que as vezes ao se colocar no corpo do outro, poderemos finalmente entender as pessoas e parar de julgar.

       Talvez vocês não tirem do livro as mesmas lições que eu tirei, afinal cada um tem seu gosto, suas ideias mas eu acho quase impossível vocês não conseguirem absorver nada. É um livro cheio de lições.

     Então galera, por hoje é isso, espero que tenham gostado. Vocês já leram esse livro? Qual a opinião de vocês? E o filme, o que acharam dele? E quem não leu ficou curioso? Deixem nos comentários, vou adorar ler 😁😁 Beijoos até a próxima.

 
Desenvolvido por Michelly Melo.